Posições de amamentação

Para a maioria das mães, a amamentação é uma técnica que se aprende. Por isso, é possível que necessitem de apoio adicional durante a fase de aprendizagem da amamentação. Em particular, as mães podem necessitar de assistência para aprender a posicionar o bebé e a fazê-lo agarrar a mama, de modo a assegurar que conseguem alimentar confortavelmente o bebé e que este consegue extrair o leite com êxito. Existem várias posições de amamentação que podem funcionar para cada mãe. Uma importante consideração ou dica de amamentação para a mãe é que deve sempre sentir-se confortável. Em geral, o bebé deve ser posicionado de modo a que fique virado de frente para o corpo da mãe e que a sua cabeça, ombros e ancas fiquem alinhados. Algumas das posições mais comuns são: a posição de embalar, a posição de embalar cruzada, a posição futebol e a posição deitada.
Método de fixação na amamentação

Posição de embalar

A posição de embalar é a posição de amamentação mais comum.

O braço da mãe apoia o bebé na mama. A cabeça do bebé fica apoiada junto ao cotovelo da mãe e o braço desta serve de apoio às costas e pescoço do bebé. O bebé deve ter o peito encostado ao peito da mãe.

Posição de embalar cruzada

A posição de embalar cruzada usa o braço contrário (em relação à posição embalar) para segurar o bebé, que fica com a cabeça e o pescoço apoiados na mão da mãe. A mãe usa a outra mão para apoiar e dar forma à mama, se necessário.

Nesta posição, a mãe pode orientar facilmente o bebé para a mama quando este está pronto para começar a mamar.

Posição futebol

O bebé fica encostado à mãe, de lado, com o tronco e pés aconchegados debaixo do braço da mãe. A mãe apoia a cabeça do bebé com a mão. Nesta posição, o braço da mãe também pode ficar apoiado numa almofada.

Esta posição pode trazer vantagens às mães que tiveram um parto com cesariana, já que pouco ou nenhum peso é suportado pelo peito ou abdómen da mãe.

Também pode ser funcional para bebés que nascem com pouco peso ou bebés que têm problemas em agarrar a mama, uma vez que a sua cabeça fica totalmente apoiada.

Posição deitada

A mãe deita-se de lado, de frente para o bebé. A boca do bebé fica alinhada com o mamilo.

A mãe também pode usar uma almofada para apoiar as costas e o pescoço.

Esta posição também pode trazer vantagens às mães que tiveram um parto com cesariana, já que pouco ou nenhum peso é suportado pelo peito ou abdómen da mãe. 

Resumos de artigos científicos
Optimal positions for the release of primitive neonatal reflexes stimulating breastfeeding (em inglês)

Despite widespread skills-teaching, 37% of UK mothers initiating breastfeeding stop by six weeks suggesting a need to reappraise current support strategies. Rooting, sucking and swallowing ...

Colson SD, Meek JH, Hawdon JM (2008)

Early Hum Dev. 84(7):441-9
Latching-on and suckling of the healthy term neonate: breastfeeding assessment (em inglês)

Increasing breastfeeding duration and exclusivity is an acknowledged public health priority. Breastfeeding problems, especially with the healthy term neonate latching-on or feeding with a suboptimal ...

Cadwell K (2007)

J Midwifery Womens Health 52(6):638-42
Referências

American Academy of Pediatrics e The American College of Obstetricians and Gynecologists. Breastfeeding Handbook for Physicians 2006).

Colson, S.D., Meek, J.H., & Hawdon, J.M. Optimal positions for the release of primitive neonatal reflexes stimulating breastfeeding. Early Hum Dev. 84, 441-449 (2008).

Cadwell, K. Latching-On and Suckling of the Healthy Term Neonate: Breastfeeding Assessment. J Midwifery Womens Health. 52, 638-642 (2007).

Henderson, A., Stamp, G., Pincombe, J. Postpartum positioning and attachment education for increasing breastfeeding: a randomized trial. Birth 2001;28(4):236–42.